Caixa de texto: Adolfo Celdrán
 
Músico com diversos discos editados, recentemente voltou à produção discográfica depois de uma interrupção de 25 anos. para saber mais sobre Adolfo Celdrán consultar a sua página oficial em www.adolfoceldran.com
Os discos seguintes possuem faixas com canções de Luis Cília.
 
 
"Al Borde del Principio" (1976)
(Produção Movieplay/fonomusic)
 
 
     
 
 
Este disco que contém onze faixas, duas das quais com autoria musical de Luis Cília. 
Assim a segunda faixa "Cancíon del Esposo Soldado" (3.28 minutos) é uma canção com 
poema de Miguel Hernandez. Luis Cília nunca a gravou. A canção "Resiste" (2.10 
minutos), com tradução e adaptação de Adolfo Celdrán é a quinta faixa deste disco. 
 
texto da versão castelhana de "Resiste"
Resiste, mi amor, resiste
tras las rejas de tu prisión,
no tengas ese aire triste
ni tengas desolación.

No, no, mi amor
no pienses que te dejé
que tengo miles de hermanos
y con ellos volveré.

Pronto, la nueva aurora,
pronto llegará.
Sonreirá quien llora ahora
Cuando yo cante otro cantar
Cuando cante un nuevo cantar.
 
 
 
"Denegado" (1977)
(Produção Movieplay/fonomusic)
 

 
 
Este disco contém dez faixas. A última é a versão castelhana de "Regresso", aqui renomeada "Día de Fiesta", com duração de 2.29 minutos, de autoria de Luís Cília, que tem aqui tradução e adaptação ao castelhano pelo próprio Adolfo Celdrán.
 
 
A canção "Dia de Fiesta" foi também editada em single no lado B do disco:
 
"Vota bien y mira a quién : canción-lección para una elección"(1977)
(Produção Movieplay/fonomusic)
 
 
 
 
 
 
 
 
 
texto da versão castelhana de "Dia de Fiesta"
Día de fiesta
en la patria amada.
Canción del pueblo
jamás cantada.
Los emigrados,
los de la guerra,
los exilados
en su propia tierra.
Todos unidos
esta alborada
que llene el pueblo
la calle ancha.
Vuelva el proscrito
que ayer marchara.
Todos unidos
en la patria amada.
os clandestinos
de la noche fría
salen, cantando,
a la luz del día.
Nuestro estandarte
flota en vanguardia.
Brota la vida
que estaba apagada.
Para los hombres
de esta jornada
la pena es luz
y la cárcel, nada.
La flor de amor
antaño sembrada
en tierra fértil
germina, grana.
 
 
 
A canção "Resiste" foi reeditada em colectâneas datadas de 1987 ("Homenaje a las víctimas del franquismo" - disco LP quádruplo da Ariola) e de 1995 ("Cautautores: de un tiempo e de un país" - disco duplo da Fonomusic).
 
(fonte principal de informação:  Página oficial de Adolfo Celdrán em www.adolfoceldran.com)
 
 

Caixa de texto: interpretes de luis cilia...
Adolfo Celdrán (Espanha)
 

 

     página inicial 
 

Caixa de texto:  mais de 45 anos de música

 

 

Poderá ouvir a canção de Miguel Hernandez "Cancion del Esposo Soldado", cantada ao vivo em outubro de 2010,  no "YOUTUBE"