Caixa de texto: interpretes de luis cilia...
Luísa Basto (Portugal)
 

 

     página inicial 
 

Caixa de texto:  mais de 50 anos de música

 

 

 

 
 
 

 

Luísa Basto

Luisa Basto estudou canto e música no Instituto Superior de Música do Estado, em Moscovo. Ainda universitária gravou o seu primeiro disco, acompanhada pela Orquestra da Rádio e Televisão Soviética (Ecrán Azul), com música de Fernando Lopes Graça e poemas de Manuel Alegre. Aparece aqui uma primeira versão de "Avante Camarada".A canção de luta "Avante" é de autoria do Luis Cília. Ele próprio nunca a gravou em disco embora a tenha interpretado em festivais de canção política realizados no estrangeiro e ainda durante o período de luta contra o fascismo em Portugal (para saber mais sobre esta interpretação veja reportagem na RTP clicando na imagem ao lado).

Em Fevereiro de 1974 está em Paris para ficar mas regressa a Portugal no dia 3 de Maio após a 

Revolução dos Cravos. Luísa Basto grava nova versão de "Avante Camarada" para a editora Sassetti

(Zip Zip 30064/S) com arranjos e direcção de Pedro Osório.Com João Fernando grava o single "Pela Paz".Participou em duas peças musicais de Ary dos Santos. Em 1977 vence o Festival da Eurovisão com o grupo Os Amigos.

No disco "Caminho e Canto", editado em 1980 pela Telectra, canta os poetas Eugénio de Andrade, José Gomes Ferreira e Joaquim Pessoa.

Em 1981 é gravada uma nova versão de "Avante Camarada" com uma orquestra de 25 figuras e as vozes de Luísa Basto, Carlos Alberto Moniz, Carlos Mendes, Fernando Tordo, Maria do Amparo, Samuel e de Pedro Osório. Lança também o single "Pela Paz" em conjunto com João Fernando.

Em 1982 é editado o álbum "25 Canções" pela editora Musidisco.

O disco "Recital - Luisa Basto ao vivo" foi gravado, em Janeiro de 1984, na SFUAP-Sociedade Filarmónica União Artística Piedense.

Grava com João Fernando o disco "Cantam Poemas de Manuel da Fonseca".

Em 1994 foi agraciada pela Câmara Municipal de Almada com a Medalha de Ouro de Mérito Cultural. Grava um disco de homenagem a Romeu Correia.

Em 1996 grava "Tema De Amélia" para a telenovela "Roseira Brava" da RTP.

Lança em 1997, para a editora Movieplay, o álbum "Fado" que inclui uma versão de "Povo Que Lavas No Rio", "Fui hoje ao Alentejo", de Eduardo Olímpio e Paco Bandeira, entre outros temas.

A convite de Filipe La Féria participou em algumas actuações do musical "Amália", onde interpretava a figura principal.

O disco "Alentejo", editado em 2006, pela Câmara Municipal de Serpa, inclui dez temas sobre o Alentejo, suas raízes e realidades. Em 2006 apresentou-se ao vivo na Festa do Avante onde comemorou trinta anos de carreira.

Ao longo da carreira gravou poemas de Eugénio de Andrade, José Gomes Ferreira, Manuel da Fonseca, Florbela Espanca, João Fernando, entre outros.

 

(fonte, parcial, de informação: Wikipedia. Discografia da Luisa Basto ver Wikipedia em português)

 

Luisa Basto gravou por três vezes "Avante", a saber:

Em 1967, acompanhada da orquestra "Ecrã azul", editada em Moscovo pela editora Melodiya na compilação "Canções Portuguesas". Posteriormente, e ainda na resistência, é lançado um EP denominado "Canções Revolucionárias Portuguesas" retirado deste disco original onde a canção "avante camarada" foi incluída. Ambos os discos são clandestinos.

Em 1974, com arranjos e direcção de Pedro Osório para a editora Sasseti.

Em 1981, com novos arranjos de Pedro Osório, interpretada igualmente por Luísa Bastos, acompanhada pelas vozes de Carlos Alberto Moniz,Carlos Mendes, Fernando Tordo, Maria do Amparo, Samuel e Pedro Osório, com a participação de uma orquestra de 25 elementos.

"Canções Portuguesas" (1967)

 

 

   

 

 

 

 

Disco mini LP editado na URSS pela editora Melodiya, nele é unicamente indicado Melodia, sem indicação de número de disco. Possui 12 faixas, 6 em cada lado. "Avante", nome como é indicado no disco, é a primeira faixa do disco do lado A.

(foto retocada sobre original cedido pela irmã da Luísa Basto, ficam aqui os nossos agradecimentos)

 

"Canções Revolucionárias Portuguesas" (19__)

(EP Edition comité Portugal (ot av GM 307 - EP 601)

 

 

 

 

Disco editado na Bélgica com quatro faixas extraídas do disco original editado na Rússia. "Avante" é a primeira faixa do lado A.

 

"Avante" (1974)

(Single produção Sassetti (Zip Zip 30064/S))

 

 

"A Internacional - Avante Camarada!" (1981)

(Disco editado no âmbito do 60º aniversário do PCP)
Este disco, numa edição muito esmerada, contém 4 faixas sendo uma delas o "Avante".

Esta edição contém na sua caixa de apresentação 22 fichas cartonadas com indicações muito pertinentes relativas às faixas incluídas, interpretes, orquestração e condições de gravação.

As fichas 11 a 16 são sobre a canção "Avante camarada".

 

"A Internacional - Avante Camarada!" (2001)

(CD editado no âmbito do 80º aniversário do PCP)
Este cd contém unicamente 3 faixas sendo a segunda faixa o "Avante".

Letra e música:

Avante, camarada, avante,
Junta a tua à nossa voz!
Avante, camarada, avante, camarada
E o sol brilhará para todos nós!

Ergue da noite, clandestino,
À luz do dia a felicidade,
Que o novo sol vai nascendo
Em nossas vozes vai crescendo
Um novo hino à liberdade
Que o novo sol vai nascendo
Em nossas vozes vai crescendo
Um novo hino à liberdade

Avante, camarada, avante,
Junta a tua à nossa voz!
Avante, camarada, avante, camarada
E o sol brilhará para todos nós!

Cerrem os punhos, companheiros,
Já vai tombando a muralha.
Libertemos sem demora
Os companheiros da masmorra
Heróis supremos da batalha
Libertemos sem demora
Os companheiros da masmorra
Heróis supremos da batalha

Avante, camarada, avante,
Junta a tua à nossa voz!
Avante, camarada, avante, camarada
E o sol brilhará para todos nós!

Para um novo alvorecer
Junta-te a nós, companheira,
Que comigo vais levar
A cada canto, a cada lar
A nossa rubra bandeira
Que comigo vais levar
A cada canto, a cada lar
A nossa rubra bandeira

Avante, camarada, avante,
Junta a tua à nossa voz!
Avante, camarada, avante, camarada
E o sol brilhará para todos nós!

Nota explicativa sobre esta canção de autoria de Ruben de Carvalho:

"A autoria de Avante Camarada! é do compositor e intérprete português Luís Cília que a compôs durante o seu exílio em Paris em 1967, explicitamente destinada a ser transmitida pela Rádio Portugal Livre. A canção foi incluída no disco "Canções Portuguesas", interpretadas por Luísa Basto "acompanhada pela orquestra Ecran Azul", editado em Moscovo pela editora Melodia em 1967.

Foi esta versão frequentemente transmitida pela Rádio Portugal Livre que se tornou conhecida em Portugal, sendo nas vésperas do 25 de Abril de 1974 um dos mais populares temas da resistência anti-fascista.

Após a Revolução dos Cravos, Luísa Basto, regressada a Portugal, gravou nova versão para a editora Sassetti (Zip Zip 30064/S) com arranjos e direcção de Pedro Osório, reflectindo claramente a sonoridade das baladas que haviam celebrizado o programa televisivo "Zip Zip" e conheceriam grande expansão nos anos de 74, 75 e 76.

Seria o mesmo Pedro Osório que, tal como para A Internacional, realizaria os novos arranjos da gravação de 1981 que contaram com a participação de uma orquestra de 25 figuras e as vozes de Luísa Basto, Carlos Alberto Moniz, Carlos Mendes, Fernando Tordo, Maria do Amparo, Samuel e do próprio Pedro Osório."

 

A divulgação internacional desta canção é relevante. A título de exemplo, ela foi interpretada em alemão pelo Grupo Jahrgang 49 e pelo grupo checo Echo. Recentemente um grupo punk brasileiro (o satânico Dr. Mao e os Espiões Secretos) tornou-a muito contemporânea. Foi também traduzida para castelhano e em inglês. Ao lado a letra e música inserta num livro alemão:

Das vierte Liederbuch - Oppel, Marianne, Jugendstudio DT64. VEB Friedrich Hofmeister Musikverlag / Leipzig DDR - 1976.

 

 

 

Segue o texto da versão em castelhano:

¡Adelante Camarada ! 

Adelante, camarada, Adelante, 
¡Une tu voz a nuestra voz! 
Adelante camarada, adelante camarada, 
¡Y el sol brillará para todos ! 

Levanta de la noche, clandestino, 
A la luz del día la felicidad, 
Que el nuevo sol va naciendo 
En nuestras voces va creciendo 
Un nuevo himno a la libertad 
Que el nuevo sol va naciendo 
En nuestras voces va creciendo 
Un nuevo himno a la libertad 

Adelante, camarada, Adelante, 
¡Une tu voz a nuestra voz! 
Adelante camarada, adelante camarada, 
¡Y el sol brillará para todos ! 

Cierre los puños, los compañeros, 
va ya dando volteretas la pared. 
Permítanos librar inmediatamente 
Los compañeros del calabozo 
Los héroes supremos de la batalla 
Permítanos librar inmediatamente 
Los compañeros del calabozo 
Los héroes supremos de la batalla 

Adelante, camarada, Adelante, 
¡Une tu voz a nuestra voz! 
Adelante camarada, adelante camarada, 
¡Y el sol brillará para todos ! 

Para un nuevo para amanecer 
Lo une a nosotros, el compañero, 
Que conmigo tomará 
En cada esquina, en cada casa, 
Nuestra bandera rubí-roja 
Que conmigo tomará 
En cada esquina, en cada casa, 
Nuestra bandera rubí-roja 
Adelante, camarada, Adelante, 
¡Une tu voz a nuestra voz! 
Adelante camarada, adelante camarada, 
¡Y el sol brillará para todos ! 
Y el sol brillará para todos nosotros 

Traduccion: Jose Angel Pineda

(de: http://augustosandino.blogspot.com) 

 

...e o texto da versão em inglês:

Forward comrade! Forward!
Bring your voice to our voices!
Forward comrade! Forward comrade!
And the sun will shine for all of us!

Rise up from the night, you who are clandestine,
And bring to the daylight your happiness,
The new sunshine is born
And through our voices a new hymn
To the freedom has arisen
The new sunshine is born
And through our voices a new hymn
To the freedom has arisen

Forward comrade! Forward!
Bring your voice to our voices!
Forward comrade! Forward comrade!
And the sun will shine for all of us!

Clench the fist, oh my companions,
The walls are already falling down.
Quick! Let us liberate from the dungeon
Our fellow companions
Supreme heroes of this battle
Quick! Let us liberate from the dungeon
Our fellow companions
Supreme heroes of this battle

Forward comrade! Forward!
Bring your voice to our voices!
Forward comrade! Forward comrade!
And the sun will shine for all of us!

For this new dawn
Join us, woman,
And together we will bring
To every nook and every home
Our ruby-red flag
And together we will bring
To every nook and every home
Our ruby-red flag

Forward comrade! Forward!
Bring your voice to our voices!
Forward comrade! Forward comrade!
And the sun will shine for all of us!