Se deseja dar a sua opinião sobre Luis Cília e a sua obra envie um mail

(leonardo.verde@gmail.com)

 

   excerto da canção: 

4a Fecundou-te

  

Fecundou-te a vida nos pinhais.

Fecundou-te de seiva e de calor.

Alargou-te o corpo como os areais

onde o mar se espraia sem contorno e cor.

 

Pôs-te sonho onde havia apenas

silêncio de rosas por abrir,

e um jeito nas mãos morenas

de quem sabe que o fruto há-de surgir.

 

Brotou água onde tudo era secura.

Paz onde morava a solidão.

E a certeza de que a sepultura

é uma cova onde não cabe a coração.

 

 

 

Caixa de texto: "Contra a ideia da violência a violência da ideia"

 

Caixa de texto: Poesia de
Eugénio de Andrade

Caixa de texto: luis cilia
 

Canções neste disco:

 

        <Anterior  -  Seguinte>

 

 

página inicial

 

 

(Esta canção foi gravada posteriormente no LP "

O Peso da Sombra"

O som que pode aqui ouvir é o desta edição)

 

Caixa de texto: Manuel Freire, em 1978, interpretou no disco “Devolta”, a canção “Fecundou-te”